Máscara de proteção: quem deve usar e qual a importância do uso?

Máscaras de proteção

Um dos recursos mais importantes para a prevenção do Novo Coronavírus é o uso de máscara de proteção. Antes o acessório era indicado apenas para aqueles que apresentavam os sintomas da doença. No entanto, de acordo com as novas orientações do Centers for Disease Control and Prevention (CDC) e Organização Mundial de Saúde (OMS), as máscaras de proteção devem ser usadas por todos durante os trajetos essenciais. Então, confira como utilizá-la e qual a sua importância em tempos de COVID-19. 

Por que essas novas orientações? 

A mudança de orientação é importante e deve ser seguida por todos. Isso porque já se comprovou que a doença pode ser transmitida mesmo por pessoas assintomáticas. Ou seja, é possível ter o Coronavírus, sem apresentar nenhum sintoma e, assim, se tornar um vetor de transmissão caso não se utilize a máscara. 

A principal regra a ser seguida é ficar em casa. Quando isso não é possível, por aqueles que desempenham trabalhos essenciais, ou na hora de fazer compras para a casa a máscara de proteção é de uso imprescindível. Mas, vale lembrar que ela isoladamente não evita o contágio ou a contaminação da doença. 

É preciso aliá-la a higienização bem feita e constante das mãos, manter a distância de um metro e meio de terceiros, evitar tocar o rosto, manter o cabelo sempre preso e manusear a máscara corretamente, para colocá-la e tirá-la, como será explicado mais adiante. 

Como utilizar 

A máscara de proteção para uso da população pode ser feita em tecido, esses modelos são reutilizáveis, ou ainda em material descartável. Apesar das diferenças, o cuidado e manuseio do acessório é o mesmo. Confira como utilizar e, quando for o caso, como higienizar a sua.

Passo a passo para o uso da Máscara de Proteção 

1. O uso da máscara é individual, não deve ser compartilhada entre familiares, amigos e outros.

2. Coloque-a ao sair de casa. Vale destacar que o acessório deve ficar acima do nariz, protegendo vias nasais e boca. As máscaras de proteção precisam ser trocadas de duas em duas horas, após esse tempo perdem sua eficácia. 

3. Enquanto usar evite colocar a mão no rosto e na própria máscara. Caso fique úmida ela perde sua função, nesses casos troque-a imediatamente. 

4. Além disso, para fazer a troca lave muito bem as mãos antes, pegue a máscara pelo elástico, evitando tocar a parte da frente. Caso ainda esteja na rua ou local de trabalho, armazene-a muito bem fechada em um saco plástico. Por fim, lave as mãos novamente para colocar a nova máscara. 

Como reaproveitar a máscara de proteção 

Para reaproveitá-la faça a imersão do produto em um balde com a mistura de 1 L de água potável para 20 mL de água sanitária por 30 minutos.  Após o tempo de imersão, realize o enxágue em água corrente e lave-a com sabão. Por fim, higienize também as mãos com água e sabão.

A máscara deve estar seca para sua reutilização. Finalize a higienização passando o ferro quente, depois acondicione a máscara novamente em saco plástico limpo. 

Descarte do acessório 

Para as máscaras descartáveis, ou no caso da sua reutilizável ser danificada, faça o descarte imediato. Para isso, tenha todos os cuidados já citados para a retirada da máscara do rosto e jogue-a fora em uma lixeira vedada ou a coloque em um saco plástico e amarre-o bem. Lembre-se de lavar a mão novamente após isso e vestir uma nova máscara de proteção.

Leia também nosso artigo sobre máscara de proteção para empresas.

Onde encontrar sua máscara? 

A Serfer Indústria de Uniformes, pensando em contribuir com esse momento, desenvolveu máscaras de algodão laváveis. 

A Máscara de Proteção Confort Serfer é 100% algodão em malha penteada fio 30.1 gramatura 165. É ainda dupla face e feita em modelagem anatômica muito confortável. 

Banner para a máscara de proteção confort da Serfer


Siga-nos

Veja Também

Linha Fitness
Linha Operacional
Linha College
Linha Corporativa
Linha Promocional